Percepções e tendências: o que esperar nesta Peak Season?

Picture of Adclick
Adclick

SHARE THIS

Numa altura em que o e-commerce, em Portugal, continua em grande crescimento, é importante que as empresas apostem cada vez mais no digital.

O mercado nacional continua a ser uma oportunidade a explorar, e a Peak Season é a altura perfeita para alavancar resultados.

Ao mesmo tempo, a internacionalização faz sentido, quer de forma natural, quer pelos apoios dos fundos europeus que já começam a ser colocados à disposição das empresas, tanto através dos PRR como também das Aceleradoras Digitais.

Desta forma, apesar de existir uma clara transformação do ecossistema português, no que diz respeito ao e-commerce nos últimos anos, a realidade é que ainda somos um dos mercados menos maduros.

O que esperar nesta Peak Season?

Mais procura do que oferta: apesar de existir muita procura na compra online, continua a existir um gap na presença digital das empresas portuguesas comparada com empresas internacionais. O espaço tem vindo a ser ocupado por grandes players estrangeiros que entraram com muita força no mercado nacional (Shein, Amazon, Aliexpress, Temu, Vinted, etc.).

Capacidade Financeira: a realidade é que a inflação, o aumento das taxas de juros, o crédito à habitação e os salários, tornam o consumidor mais suscetível a descontos e promoções, e este será um fator ainda mais relevante na atração de clientes nesta Peak Season. É fundamental termos muito bem definido o nosso público-alvo e a nossa proposta de valores nesta Peak Season.

Importância da Inteligência Artificial (IA): com a chegada do ChatGPT, a euforia em torno da IA ganhou proporções estratosféricas na comunidade e as ferramentas multiplicaram-se. Passou a ser prática comum a sua utilização numa ótica de simplificação de processos e automatização de tarefas. Também em campanhas de Paid Media, Machine Learning (que já fazia parte do nosso léxico) e Inteligência artificial têm vindo a desempenhar um papel de maior relevância. Assim, esta será uma das principais tendências desta Peak Season.

Peak Season: principais caraterísticas dos consumidores

Assim, algumas caraterísticas e tendências sobre os consumidores portugueses que consideramos relevantes são:

  • 47% estão a fazer cortes financeiros: reduzem gastos supérfluos;
  • 34% são cautelosos: estão conscientes do aumento de custos mas apenas mais atentos aos gastos;
  • 19% passam por um período de dificuldade: apresentam dificuldade em pagar as contas no final do mês e estão ansiosos em relação ao futuro;
  • 77% estão mais sensíveis ao preço: passam mais tempo a pesquisar produtos, a comparar preços e a avaliar “value for money”, o que significa que o processo de decisão de compra será mais longo;
  • 46% dizem esperar pelas promoções
  • Têm tendência para uma compra mais meditada/planeada e demorada (shopping around);
  • Estão mais expostos à concorrência, incluindo players internacionais.

22% do valor gasto na Black Friday de 2022 foi em compras online e as previsões demonstraram que este ano o valor será ainda maior. Já tens uma estratégia para te destacares da concorrência?

Conhece os nossos packs que aliam as melhores práticas de Análise de Mercado a Paid Media, Email Marketing e SMS para fortalecer a tua marca.

Nesta Black Friday não deixes a tua mensagem passar despercebida! 

Sente o efeito Adclick na tua empresa!